Os temas escolhidos pela FCC, nos últimos anos, trataram assuntos do cotidiano, porém polêmicos, é claro!

Em todos eles estiveram presentes os textos de apoio para testar a sua capacidade de leitura e interpretação. É isso mesmo, os textos que acompanham as provas de redação – não servem para embasamento do candidato – como muitos dizem por aí. Eles estão ali, para que o candidato leia, interprete, faça relações com seu conhecimento acadêmicos e de mundo e saiba demonstrar tudo isso na sua redação.

Sabia que grande parte dos candidatos fogem do tema exigido pela banca, porque não sabem aproveitar corretamente os textos de apoio?

Fique atento, cuidado com o que você lê e ouve na internet.

Outra questão importante: para conseguir nota alta na redação, você não tem que satisfazer os corretores, mas sim obedecer aos critérios exigidos pela banca e às normas que estabelecem o que é, e como deve ser escrito um texto do tipo dissertativo argumentativo. Isso vale, não apenas para a Fundação Carlos chagas, mas para qualquer banca de concurso público ou vestibulares.

 

Veja quais são os critérios para a correção da redação da FCC

REDAÇÃO

 

O candidato deverá desenvolver um texto dissertativo argumentativo a partir de um tema proposto, sobre assunto de interesse geral.

Itens avaliados na sua prova de Redação de concurso público:

 

1. Conteúdo – até 4 (quatro) pontos:

Aqui você será avaliado de acordo com o desenvolvimento do tema proposto pela banca e a demonstração da sua capacidade de análise e de senso crítico e de relacionar a ele os seus conhecimentos.

É aqui que você precisa tomar muito cuidado para não fugir do tema proposto, o que pode zerar sua nota.

Clique aqui e aprenda como você deve analisar o tema:

 

2. Estrutura – até 3 (três) pontos:

Aqui você precisa demonstrar que conhece, não apenas que um texto dissertativo é composto por INTRODUÇÃO, DESENVOLVIMENTO e CONCLUSÃO, mas também que sabe conectar essas partes de maneira que elas sejam se completem e formem um discurso coeso e claro. Isso é o que chamam de respeitar o gênero solicitado de progressão textual e encadeamento de ideias;

A propósito, você sabe o que é coesão, coerência e clareza? Clique aqui e aprenda!

3. Expressão – até 3 (três) pontos:

Aqui será avaliado o seu desempenho linguístico de acordo com o nível de conhecimento exigido para o cargo.

  • A adequação do nível de linguagem em relação à proposta e ao seu interlocutor, que nesse caso são os corretores. Isso é coerência.

  • O domínio da norma culta formal e a sua capacidade de aplicar a gramática ao texto. O que envolve os seguintes conhecimentos práticos, não de conceitos:

  • Estrutura sintática de orações e períodos; Uso de elementos coesivos para dar sentido às suas ideias;

  • Concordância verbal e nominal;

  • Pontuação;

  • Regência verbal e nominal;

  • Emprego de pronomes;

  • Flexão verbal e nominal;

  • Uso de tempos e modos verbais;

  • Grafia correta de palavras e acentuação.

  • Além das normas ortográficas em vigor a partir de 1 de janeiro de 2016, implementadas pelo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

 

 

Será atribuída nota zero à questão da Prova de Redação que:

a) apresentar abordagem incorreta do conteúdo solicitado, fugir ao tema proposto;

b) apresentar textos sob forma não articulada verbalmente (apenas com desenhos, números e palavras soltas ou em versos) ou qualquer fragmento de texto escrito fora do local apropriado;

c) for assinada fora do local apropriado

d) apresentar qualquer sinal que, de alguma forma, possibilite a identificação do candidato;

e) estiver em branco;

f) apresentar letra ilegível.

 

Clique aqui e aprenda a analisar e desenvolver um tema proposto pela FCC.

 

Clique aqui para conhecer nosso curso de redação para concursos

Fátima Oliveira

Mestre em educação. Especialista em literatura, retórica, argumentação. Graduada  em Letras, Pedagogia e Normal superior. Professora de redação em cursinhos pré vestibulares em cidades como São Paulo e Rio de janeiro. Fundadora e idealizadora da Escola Palavra Perfeita.

Back To Top